228 Views |  Like

Prefeitos do ABC prestam contas dos seus 100 dias de gestão e expõem Planos de Metas

Austeridade fiscal e reorganização administrativa, além de algumas promessas de campanha já implantadas desde janeiro último, afora seus planos de metas, foram a tônica dos respectivos balanços de 100 dias de governo apresentados em abril passado, por todos os prefeitos do Grande ABC.
MercNews, que ainda no início do ano trouxe flashes da posse de cada um deles, faz, nesta edição, um resumo do que está acontecendo em cada uma das sete cidades da região.

Santo André
“Eu amo, Eu cuido”

O cidadão andreense terá mais um canal de transparência para acompanhar os trabalhos da Prefeitura e neste mês, inclusive, será protocolado na Câmara Municipal o Plano de Metas com 45 itens – para os quatro anos de mandato. O anúncio foi feito pelo prefeito durante a apresentação aos vereadores dos dados dos 100 primeiros dias da nova gestão, quando pontuou os diversos desafios encontrados, sobretudo na condição financeira da cidade. “Mas, em pouco mais de três meses, a Prefeitura, que com bastante economia já reduziu os restos a pagar de curto prazo – de R$ 325 milhões, para R$ 186,4 milhões – também garantiu diversas conquistas. Na Educação entregou kits escolares e uniformes para as crianças, retomou financiamento para a construção de dez creches, reabriu a Sabina – Escola Parque do Conhecimento, a piscina do Núcleo de Natação Adaptada de Santo André e lançou novos projetos. O programa Saúde Fila Zero já está em ação; houve a normalização do abastecimento de água após negociação com a Sabesp e a operação Caça-Vazamentos, realizada pelo Semasa. A manutenção da cidade voltou a funcionar com o programa ‘Santo André, Eu amo, Eu cuido’ e a Operação Sono Tranquilo combateu a poluição sonora com mais de 1.100 autuações. No campo esportivo foi reaberta a piscina semi-olímpica do Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonia e reinaugurada a iluminação do estádio Bruno José Daniel.

São Bernardo do Campo
Novos desafios

A Prefeitura de São Bernardo, sob gestão de Orlando Morando, completou 100 dias de trabalho apresentando economia de R$ 100 milhões nos cofres públicos, que foi obtida obedecendo rigorosamente ao plano de austeridade fiscal, que inclui cortes nos gastos, contingenciamento no orçamento e congelamento nos cargos comissionados. Fazendo um balanço aos vereadores, Morando ressaltou que o período encerrou muitas conquistas, distribuídas por inúmeros setores. Na Educação foi implantado o Programa ‘Educar Mais’, que inseriu escolas em tempo integral na cidade. Na Saúde, foi instituído o ‘Saúde Prioridade’, que estabelece o fim da espera em exames. Foram entregues praças, elaboradas novas leis (como a Parede Limpa, contra a Pichação), além de planos de Mobilidade Urbana, saneamento básico, Cultura e Esporte.,
Ao fechar o período, Morando se disse satisfeito, mas enfatizou novos desafios. “Após a conclusão destes 100 primeiros dias, tempo em que realizamos o que correspondia a uma demanda estabelecida, lançamos o plano de 200 dias de gestão. Agora, a equipe do governo vai receber ações para o futuro planejamento. E essa será a tônica da gestão. Meta por meta. Fazendo igual à iniciativa privada”.

São Caetano do Sul
Retomada de obras

O prefeito José Auricchio Jr. fez um balanço dos 100 dias de governo da atual Administração detalhando a situação econômico-financeira da Prefeitura e trazendo os resultados das ações já realizadas, como o corte de gastos (revisão de contratos, devolução de celulares e carros alugados, exoneração de 1.600 terceirizados e congelamento de 30% dos cargos comissionados) para readequar o orçamento – ao assumir a gestão, a Prefeitura apresentava mais de R$ 147 milhões de restos a pagar, acrescidos de mais R$ 48 milhões, conferidos em 89 processos. Ainda assim, durante o período houve a inauguração da EMEI José Auricchio, que ajudou a enfrentar o problema da falta de vagas no ensino infantil; atração de empresas que gerarão cerca de 650 vagas de emprego; projetos ousados de inclusão às pessoas com deficiência; reinstalação de posto do Sebrae; retomada de obras e ampliação de programas no Esporte; programa de zeladoria urbana Embeleza São Caetano; retomada do Bairro a Bairro e da Operação Bairro Seguro. Na ocasião o prefeito também anunciou alguns projetos para até o fim de 2017, como a retomada da obra de uma escola infantil na Avenida Presidente Kennedy, que estava paralisada desde o ano passado, retomada da obra do centro de ginástica artística; reforma de 10 Unidades Básicas de Saúde da cidade e a revitalização geral do Hospital de Emergências Albert Sabin.

Diadema
Modernização com digitalização

Durante sua apresentação, o prefeito de Diadema, Lauro Michels elencou as realizações dos seus 100 primeiros dias de governo neste segundo mandato, destacando entre elas, o início do Programa Mãos à Obra, que vai promover revitalização dos espaços públicos; a entrega de 160 unidades habitacionais; reforma no Centro Cultural Serraria e lançamento do Programa Giro Cultural, entre outras. Na Saúde realizou mutirão de retinografia – fotografia ampliada da retina destinada a pacientes diabéticos e hipertensos atendidos pela rede municipal. Na Educação, entregou 32 mil kits de uniformes escolares; promoveu atendimento de nove escolas municipais pela equipe do Trato na Escola – com engenheiro, pedreiro, azulejista, eletricista, entre outros profissionais, para fazer os reparos necessários de infraestrutura das 64 escolas municipais – e ampliou o programa Cidade na Escola para 23 unidades, com atividade no contraturno escolar para alunos dos 6 aos 10 anos. Na Segurança, a Guarda Civil Municipal recebeu 25 novos rádios transmissores e novas armas e, em uma parceria com a Polícia Civil, inaugurou o primeiro Núcleo Especial Criminal, do ABC. Diadema também avança na modernização com a digitalização de todos os processos, começando pela Secretaria de Assuntos Jurídicos e já oferecendo 120 serviços aos cidadãos, por meio do aplicativo Tô Ligado.

Mauá
Com o pé no acelerador

Inauguração da UPA Zaíra, com o 1º Pronto Atendimento Infantil (PAI); mais remédios; três mil exames de mamografia gratuitos; fim dos pancadões na Avenida Portugal; contratação de professores; reforma do Terminal Central; Expresso Mauá, com Wi-fi gratuito; limpeza dos piscinões; Programa Pintou Limpeza; nova ciclovia no Parque São Vicente; convênio para castração de 250 animais por mês. Esses são alguns destaques dos 100 dias do governo Atila Jacomussi, em Mauá.
Com uma política dinâmica (seu expediente é das 7h às 23h, nas ruas ou no gabinete) e voltada ao povo, Atila tem acumulado realizações e transformado a cidade. São ações que já transformam a vida de muita gente, e que devolvem a autoestima dos 450 mil mauaenses e o orgulho de viver na cidade. “Mauá tem pressa”, tem repetido o prefeito, que trabalha para corrigir esta distorção, causada pelo distanciamento do poder público dos moradores, por décadas. Atila garante que nunca se fez tanto, em tão pouco tempo. “Corremos contra o tempo, porque temos a sensibilidade de entender a urgência das demandas do povo. Todas as ações são visando à melhora da qualidade de vida dos moradores da nossa querida cidade. Transformação social. É isso o que me move. Quando se tem vontade, as mudanças acontecem”, ressalta. “Muito já foi feito, mas faremos muito mais”, conclui o chefe do Executivo.

Ribeirão Pires
Serviços essenciais

Reorganização administrativa, compromisso com os recursos públicos, retomada de serviços essenciais à população e o resgate da autoestima dos ribeirãopirenses nortearam as ações da Prefeitura de Ribeirão Pires nos 100 primeiros dias da Administração, sob a liderança do prefeito Adler Teixeira – Kiko. Desde o primeiro dia do ano, a nova equipe conduziu processos de análise da situação financeira e econômica da cidade (com R$ 223 milhões em dívidas das gestões anteriores) e da estrutura da rede de atendimento à população. A redução de gastos desnecessários, a retomada de serviços como a coleta de lixo, a manutenção da iluminação pública, bem como o pagamento de encargos dos servidores, foram priorizados. Pacientes da saúde municipal voltaram a ter à disposição nas UBSs os exames laboratoriais e mutirões foram realizados para zerar a fila à espera da realização de outros exames. A cidade ganhou nova Base da GCM, em Ouro Fino Paulista; nova sede para o Fundo Social de Solidariedade e melhorias na sede do Centro de Formação Profissionalizante Professor Paulo Freire e centenas de pontos da cidade receberam melhorias estruturais. Nas áreas de esporte, lazer e inclusão social, ações da Prefeitura, inclusive por meio de parcerias, beneficiaram a população. O patrimônio histórico e o turismo ganharam espaço nos debates e proposições da cidade.

Rio Grande da Serra
Análise positiva

Os 100 primeiros dias da gestão de Gabriel Maranhão foram de muito trabalho, mas bastante positivos, com a Administração avançando em muitos setores, como na Saúde, com a realização dos mutirões e a implantação do projeto Vida Saudável, em que a população é orientada sobre prevenção de doenças, além de contar com profissionais qualificados para a prática de exercícios físicos. Já na área de infraestrutura urbana, pode-se destacar a conclusão das obras de pavimentação da avenida Guilherme Pinto Monteiro, importante via de acesso do município à cidade vizinha, sem falar na valorização imobiliária e no desenvolvimento econômico que a obra trouxe para a região da Vila Lopes, Vila Verde e Vila São João. Outra obra concluída neste período foi o novo asfalto da avenida Dom Pedro I, juntamente como a reforma das calçadas, reduzindo gastos com manutenções e mão de obra. Já na área administrativa, duas importantes conquistas foram a aprovação da Reforma Administrativa, que reestruturou toda administração pública, organizando departamentos, setores e funções, visando à melhoria do serviço prestado à comunidade. Por fim, destaca-se a criação da Secretaria de Segurança Pública como a medida de maior impacto e, principal reivindicação da população, o que possibilitará ações efetivas na área de prevenção e segurança no município.

Compartilhar isso

Comentário

Comentários