116 Views |  Like

Victor Rassoul Guedes de Souza

Desponta um jovem empreendedor

A aptidão para o comércio, típica dos libaneses, literalmente corre nas veias deste rapaz de apenas 21 anos que, com total apoio dos pais, decidiu dedicar-se ao empreendedorismo na cidade em que nasceu, cresceu e reside até hoje – São Bernardo do Campo.
Estudante de Ciências Contábeis, Victor Rassoul Guedes de Souza, que por sinal foi o primeiro ‘merccuquinha’ da série MercCuca, com apenas nove anos de idade, inaugurou em dezembro último uma franquia da loja Croasonho, na avenida Antártico. Com sede e tino para o negócio, Victor gera emprego e renda para mais de 23 colaboradores. Além do mais, conta que pretende alçar voos maiores e expandir com a abertura de outra loja da mesma franquia ou de outra marca. “Não pretendo parar, sou jovem e ainda tenho muito a aprender. Pretendo conhecer novos mercados e assumir novos desafios”, diz. Esse é o espírito desafiador que rege o futuro deste jovem empreendedor.

Por Mariana Fanti

Descendente de libaneses e portugueses, os pais, Jamili Rasoul Salem e Jaime Guedes de Souza, contam que desde pequeno Victor dedica-se à pratica do comércio. “Aos 14 anos ele teve a ideia de vender capinhas de celular na escola, pois queria ter seu próprio dinheiro”, diz a mãe, explicando sobre como o rapaz começou a ensaiar seus primeiros passos para o negócio.
Victor conta que vislumbrava ter seu próprio negócio, e foi assim que começou a procurar franquias e analisar o mercado. “Fui a feiras de franquias e analisei diversas opções, até que conheci a Croasonho. Gostei do produto e verifiquei que na região só tinha uma unidade. A partir daí comecei a visitar várias lojas em São Paulo, fui a João Pessoa, ao Rio Grande do Sul, até que contatei a empresa, fiz a solicitação, recebi a aprovação e comecei a mapear um local aqui mesmo em São Bernardo do Campo”.
O empresário explica que a marca é muito rigorosa e por conta disso contou com todo apoio desde a escolha do local, até a montagem e finalmente a abertura da loja – com treinamento dos funcionários, produtos e equipamentos. “Estou feliz com a concretização deste projeto, que será um grande desafio pessoal”, afirma o mais jovem empreendedor da região. Outro apoio fundamental foi dos pais, que incentivaram, motivaram e acreditaram no potencial do filho.
Ao lado da mãe, Jamili, Victor praticamente cresceu no comércio do avô, sr. Rassoul, ao qual chama carinhosamente de “Judo” e, aos 16 anos, já trabalhava na empresa do pai, Jaime, fundador da Guedes Consultoria, escritório de contabilidade há 30 anos no mercado, localizado em Santo André. “E penso que foi essa experiência que me fez amadurecer mais rápido, diz Victor que, embora tenha apenas 21 anos, é um jovem bem maduro, de fala segura, com cautela na escolha das palavras, e que sempre anda com uma planilha na mão fazendo cálculos de quanto pode gastar a curto, médio e longo prazo.
Sem medo de errar, ele arrisca traçar seu futuro nos próximos dez anos. “Quero buscar novas parcerias, gerar mais emprego e expandir com a abertura de mais uma loja, seja da mesma franquia ou outra”. Com relação aos estudos, ele pretende finalizar graduação em Ciências Contábeis e iniciar um MBA em Empreendedorismo ou Gestão Empresarial. Sempre com planos e ações bem pensados, alinhados com seu propósito.

A Croasonho está localizada na avenida Antártico, 321, São Bernardo do Campo e está aberta ao público todos os dias, das 11h às 22 horas.

Compartilhar isso

Comentário

Comentários