178 Views |  Like

Andreia Carla Medice

Mostrar um novo olhar para uma solução é o que a inspira

Levando as iniciais de seu nome, o escritório ACMedice Arquitetura nasceu a partir da influência que a arquiteta e urbanista – formada pela Universidade Mackenzie -, Andreia Carla Medice herdou de seus avós materno e paterno, que exerciam, respectivamente, as profissões de engenheiro civil e de marceneiro.
Entre 2016 e 2017, Andreia se especializou em Restaurante e Café, participando de cursos em Milão, na Itália. Atualmente seu empenho está voltado a buscar novos desafios, além, é claro, de ter mergulhado em uma nova missão: a tarefa, que tem levado muito a sério, de compartilhar com outras mulheres sobre como conciliar a profissão com a maternidade tardia.

Por Mariana Fanti

Sorridente, versátil e sempre disposta a inovar tanto na sua vida pessoal como profissional, Andreia busca nas habilidades intuitivas levar contemporaneidade para todos os seus projetos.

Casada há 16 anos, a arquiteta e urbanista, que nasceu e cresceu em São Bernardo do Campo, cidade onde também reside, conta que a influência de seus avós foi fundamental para a escolha de sua profissão. “Lembro quando, às vésperas do vestibular, estava decidida a prestar Engenharia Civil e fui passar as férias na casa do meu avô materno, quando ele me aconselhou a optar pela Arquitetura. Por outro lado, durante toda minha infância brinquei na fábrica de marcenaria localizada nos fundos da casa do meu avô paterno. Acredito que estas experiências foram decisivas para minha escolha”, conta.
Com 21 anos de experiência na área, há 18 anos Andreia fundou o ACMedice Arquitetura e Urbanismo, escritório hoje localizado no Centro Empresarial Pereira Barreto, focado em desenvolver projetos de arquitetura e design de interiores, com a execução de projetos residenciais exclusivos de alto padrão e empreendimentos imobiliários. “Quando crio, alinho o desenho de cada móvel com a funcionalidade de quem vai usar. A utilização de cores e revestimentos de fácil manutenção que proponho, resultam em uma arquitetura contemporânea. Já a iluminação é pensada de acordo com o conceito de praticidade, projetando os cenários necessários para a convivência da família, em cada clima esperado do dia. Na arquitetura busco sempre a construção de espaços amplos, com muita luminosidade natural, integrada à natureza”, diz Andreia, explicando o que a move, e consequentemente a ACMedice, é a união do Design com a Arquitetura. “Propomos um novo olhar, um projetar diferente, e, principalmente, dar qualidade à forma de morar e trabalhar das pessoas, o viver de cada um, a preocupação sobre como as pessoas vão se sentir ao interagir com determinado local. E todas essas indagações fazem parte da atenção direcionada para o indivíduo e suas necessidades”, detalha.
A arquiteta conta que não se vê em outra profissão – “Arquitetura é minha vida” – e, por este motivo, empenha-se tanto em propor soluções viáveis e inovadoras às pessoas, nos projetos residenciais. “Na maioria das vezes essas soluções utilizam tecnologia para melhorar a qualidade de vida e segurança; a natureza como inspiração para a harmonia, equilíbrio e autoconhecimento e utilizam os espaços projetados para serem a ferramenta do viver em comunidade que as pessoas buscam”.
Além da Arquitetura, Andreia tem outra paixão: viajar para conhecer outras culturas, além de procurar sempre nutrir-se de alguma literatura, de diversas áreas.

Maternidade X Carreira

Como ocorre com tantas outras mulheres com estabilidade na profissão, a vontade de ser mãe bateu à porta de Andreia, e, com isso a consciência de que, para postergar a maternidade em detrimento da carreira, alguns cuidados preventivos podem ser tomados como, por exemplo, o congelamento dos óvulos que, hoje sabe, poderia ter feito muitos anos atrás. “Na minha opinião, a liberdade de poder escolher quando e quantos filhos teremos é o que existe de mais divino hoje na Medicina”, diz Andreia, lembrando que é possível que uma mulher engravide tardiamente, com segurança, pelo menos por meio de métodos artificiais. “É maravilhoso saber que existe essa opção para aquelas mulheres que ainda não estão prontas para serem mães, pois querem atingir o auge de sua profissão antes”.

Parceria

Baseada nessa certeza, recentemente Andreia lançou-se a um novo projeto, este com o objetivo de mostrar a outras tantas mulheres, hoje mais voltadas à carreira, que é possível ser mãe, sim, no tempo que entenderem mais adequado.
Aprofundando-se no assunto, encontrou um profissional que não só lhe dirimiu todas as dúvidas que tinha até então, como a vem auxiliando ao encontro de seu objetivo – passar essa mensagem para quantas outras mulheres for possível. “Foi na Clínica Invida Medicina Reprodutiva que conheci o Dr. Luiz Fernando de Oliveira Henrique, ginecologista especialista em Reprodução Humana, que me apresentou a opção de congelar óvulos. Tal prática tem se destacado como uma ótima opção entre as que desejam planejar o momento da maternidade”, ressalta.
Segundo o especialista, é recomendado que as mulheres optem por esta técnica enquanto ainda são jovens. “Geralmente até os 35 anos”, diz ele, acrescentando que o procedimento que envolve o congelamento de óvulos dura cerca de 15 dias, nos quais a mulher é submetida a aplicações diárias de hormônios, e à realização de ultrassons transvaginais. “A coleta dos óvulos é realizada em ambiente de centro cirúrgico, sob sedação e com o auxílio de ultrassom. Em seguida os óvulos são direcionados a um laboratório de embriologia, onde são criopreservados, ficando em nitrogênio líquido a menos 196 graus. A partir deste momento, o local é quase um ‘guardião’ do futuro bebê”, afirma o especialista que, questionado a respeito, garante que os valores não chegam a ser um impeditivo de tal prática.
E é esta a mensagem que Andreia quer passar. Aliás, como tudo na vida desta profissional acaba em projeto, propagar e alertar mulheres para esta opção é a sua mais nova missão.

ACMedice Arquitetura e Urbanismo – avenida Pereira Barreto, nº 1395, sala 185, Torre Norte, Santo André.
Tel. (11) 4083-8929 – site: acmedice.com.br

Clínica Invida Medicina Reprodutiva – rua Joaquim Floriano, nº 533 – Itaim Bibi, São Paulo.
Tel. (11) 3254-5252 – site: invida.med.br

Compartilhar isso

Comentário

Comentários